A Cultura de Conservação e o Desenvolvimento Sustentável - Retrospectiva da primeira semana de exposição, palestras e mini-cursos em Quelimane

Na sexta-feira contamos com a participação de 257 visitantes à exposição e feira, assim como 50 participantes nas sessões de apresentação e debate sobre os temas: Delimitação de terras comunitárias: sua contribuição na segurança de posse de terra para melhoria das condições vida das famílias rurais em Nicoadala- Zambézia e Caracterização das serrações Madal e TTT Timber na cidade de Quelimane no período de 2010 a 2015.

Durante o sábado e o domingo, a exposição continuou aberta, registando cerca de 116 visitantes, que aumentaram o seu conhecimento sobre os ecossistemas, habitats e as espécies mais importantes do nosso património natural. Esta, continua aberta ao público até o dia 31 de Outubro.

Ontem, 23 de Outubro, a exposição contou com mais 353 visitantes e esta semana teve o seu início com a sessão de mini-cursos, sob o tema: Produção de mudas de fruteiras e plantas ornamentais, que contou com a audiência de cerca de 50 alunos adolescentes e jovens da Escola 25 de Setembro e singulares. Realizaram-se ainda apresentações e debates, sobre os temas: Avaliação da linha de arroz na tolerância a salinidade dos solos; Impactos de gestão inadequada de resíduos sólidos sobre a biodiversidade; e Nutrição artificial dos solos e conservação da biodiversidade. Tal como a exposição, as sessões de apresentações e debates continuarão abertas ao público até ao dia de encerramento a 31 de Outubro, e os mini-cursos até ao dia 30 de Outubro. Para mais informações sobre a agenda consulte aqui: Programa da Exposição