BIOFUND e INEP Assinam Memorando de Entendimento no Âmbito do Programa de Estágios do PLCM

A Fundação para a Conservação da Biodiversidade (BIOFUND) e o Instituto Nacional do Emprego (INEP-IP), assinaram, na tarde de Quinta-Feira, 1 de Outubro de 2020, um Memorando de Entendimento no âmbito da promoção dos estágios pré-profissionais implementados pela BIOFUND, através do Programa de Liderança para a Conservação de Moçambique (PLCM).

O memorando tem como principal objectivo a criação de sinergias na implementação do programa de estágios pré-profissionais no âmbito do PLCM nas Áreas de Conservação, e alargar oportunidades de emprego para integração de jovens.

Durante o evento, a Coordenadora do Programa, Carolina Hunguana, apresentou os objectivos e metas do PLCM e afirmou que o acordo irá criar oportunidades dos jovens se tornarem Agentes de Transformação da conservação da biodiversidade no país.

Intervindo no evento, o Director Executivo da BIOFUND, Luís Bernardo Honwana, destacou a importância do acordo, que vai, por um lado, incentivar os jovens a abraçar a carreira de conservação, e, por outro, assegurar o alinhamento com o Plano Quinquenal do Governo.

Através do PLCM, um Programa inserido no Mozbio 2, fomos solicitados a ajudar a preparar os quadros técnicos que vão trabalhar no sector da conservação. Para a BIOFUND, é uma honra poder ser parte deste convênio, pois, desta maneira, acrescentamos uma pedra na participação da nossa instituição no esforço de realização dos objectivos estabelecidos no Plano Quinquenal do Governo, somos uma instituição privada, porém, escrevemos as nossas actividades de acordo com o estabelecido no Plano Quinquenal do Governo”, frisou Luís Bernardo Honwana.

Falando na ocasião, o Secretário de Estado da Juventude e Emprego, Oswaldo Petersburgo, fez saber que a assinatura do memorando, reveste de um significado especial, pois, a conservação da biodiversidade, consta na matriz das prioridades do governo de Moçambique e constitui fonte de receita e de mitigação dos efeitos nefastos das mudanças climáticas.

Ao rubricarmos este instrumento com a BIOFUND, reafirmamos a nossa visão de garantir o bem-estar dos nossos jovens que passarão a beneficiar de estágios pré-profissionais em áreas estratégicas como a da conservação que, actualmente mobiliza atenção global devido aos temas a ela relacionadas”.

Salientamos que o PLCM é um Programa inserido no Mozbio 2, implementado pela BIOFUND com financiamento do Banco Mundial (durante 5 anos), que visa reforçar a capacidade e habilidades dos profissionais do Sistema Nacional das Áreas de Conservação (SNAC) e moldar o perfil dos futuros líderes da conservação.