Marinheiros Capacitados em Matéria de Conservação de Ecossistemas Marinhos no Parque Nacional do Arquipélago de Bazaruto

O Parque Nacional do Arquipélago do Bazaruto (PNAB) iniciou no mês de Agosto uma capacitaçãode marinheiros em códigos de conduta de vida selvagem marinha, com o objectivo fulcral de envolver os parceiros locais na conservação activa dos ecossistemas marinhos do (PNAB).

Com o término previsto para o mês de Setembro, a capacitaçãoconsisti na partilha de informações gerais sobre o PNAB e Códigos de Conduta que orientam os marinheiros, como forma de proteger as diversas espécies marinhas, nomeadamente dugongos, tartarugas, baleias, recifes de Corais, entre outras espécies.

Esta capacitação permiti um alinhamento na comunicação entre as comunidades e o parque. Acreditamos que com as informações aqui fornecidas a comunidade será mais motivada e responsável pela protecção e conservação dos recursos naturais do parque” disse António Cuhanha, marinheiro e membro da comunidade local.

Esta actividade insere-se no âmbito da melhoria das relações entre o PNAB e comunidades locais, como forma de alargar o conhecimento das Áreas de Conservação e a importância da protecção dos ecossistemas.

O PNAB é formado pelas ilhas de Bangué, Magaruque, Benguérra, Bazaruto e Santa Carolina, possui uma área de 1430km2e recebe também apoio ao seu funcionamento da Fundação para a Conservação da Biodiversidade (BIOFUND), no âmbito do projecto Abelha, desde 2018. Para mais informação aceda aqui.