Constituído Fundo de Apoio aos Fiscais das Áreas de Conservação

O lançamento deste prémio realizou-se no dia 01 de Agosto no Parque Nacional da Gorongosa, num evento alusivo ao Dia Internacional do Fiscal de Flora e Fauna Bravia, que se assinala anualmente a 31 de Julho.

O Fundo deve-se à iniciativa do Dr. Carlos Lopes Pereira, Director dos Serviços de Protecção e Fiscalização na Administração Nacional das Áreas de Conservação (ANAC) que, após ter sido  agraciado em 2019, com o prémio Prince William Award for Conservation in Africa, atribuído pela TuskInternational doou a parte pecuniária doprémio de 50.000 libras para a constituição de um fundo de apoio aos fiscais moçambicanos. A gestão deste fundo foi alocada à BIOFUND que decidiu por sua vez contribuir com o valor de 50 mil libras, totalizando um capital inicial correspondente aoito milhões e seiscentos mil meticais.

Com o objectivo de reconhecer a bravura e dedicação dos fiscais das Áreas de Conservação, serão atribuídos prémios aos fiscais que mais se destacarem ao longo do ano. O fundo irá tambémapoiar os familiares mais próximos dos fiscais que percam a vida ou fiquem incapacitados no exercício das suas funções.

Na acasião, a Fundação para a Conservação da Biodiversidade, representada pelo Director Executivo,Luís Bernardo Honwana, referiu que este fundo,denominado Fundo Dr. Carlos Lopes Pereira, não só terá prémios monetários como também irá oferecer diplomas de  honra.

Neste momento, a BIOFUND está a trabalhar na divulgação, no estabelecimento de sinergias e na angariação de mais contribuições nacionais e internacionais para garantiro crescimento do fundo.

Para saber mais sobre o Fundo Dr. Carlos Lopes Pereira clique aqui