PROMOVE Biodiversidade

O Gabinete do Ordenador Nacional (GON) e a União Europeia em coordenação com a Administração Nacional das Áreas de Conservação (ANAC) e a Fundação para a Conservação da Biodiversidade (BIOFUND) realizou nesta segunda-feira, 12 de Dezembro de 2022, na Cidade de Maputo, a 2ª Sessão do Comité Nacional de Supervisão (CNS) do PROMOVE Biodiversidade.

O Programa PROMOVE Biodiversidade é um programa financiado pela União Europeia e focado em 3 Áreas de Conservação, localizadas nas províncias de Nampula e Zambézia, nomeadamente: Parque Nacional do Gilé – PNAG; Área de Protecção Ambiental das Ilhas Primeiras e Segundas – APAIPS e suas áreas costeiras adjacentes e o Monte Mabu – MABU. O Parque Nacional do Gilé – PNAG; Área de Protecção Ambiental das Ilhas Primeiras e Segundas – APAIPS e suas áreas costeiras adjacentes e o Monte Mabu – MABU foram seleccionadas pela sua importância em termos de biodiversidade, mas também pela sua alta densidade populacional, isto é, onde os recursos naturais sofrem uma pressão importante das comunidades locais que vê nos recursos uma fonte alternativa de sobrevivência e de geração de renda comprometendo a sua importância na manutenção da integridade dos ecossistemas e na conservação da biodiversidade.

Para garantir a boa implementação do Programa PROMOVE Biodiversidade foi constituído em 2021 um Comité Nacional de Supervisão (CNS), órgão estratégico que tem como função assegurar a coordenação e colaboração entre os diversos actores do Programa a nível das Áreas de Conservação bem como a nível Nacional.

O evento contou com a presença da União Europeia, da ANAC, do BIOFUND, do MNEC-GON, do MTA, do MIMAIP; do FNDS, do PNAG, da APAIPS, do Governo Distrital de Lugela, da Fundação FFS-IGF, RADEZA, REGECOM, Secretaria Provincial do Ambiente de Zambézia e Nampula, entre outros participantes.