O que é o BIO-Fundo de Emergência?

O BIO-Fundo de Emergência é um fundo criado pela BIOFUND para reduzir o impacto da pandemia do COVID-19 no sector económico e social em Moçambique, com grande enfoque para o sector do turismo e conservação da biodiversidade. De acordo com a Confederação das Associações Económicas de Moçambique, CTA, até ao fim de Maio de 2020, mais de 22 000 profissionais dos estabelecimentos culturais e turísticos em Moçambique, perderam os seus empregos devido às consequências económicas da pandemia do COVID-19 e mais de 800 fiscais das Áreas de Conservação podem ver suspensos os seus postos de trabalho.

Um dos principais riscos da pandemia do COVID-19 para a conservação da biodiversidade em Moçambique é a perda de receitas do turismo e a consequente suspensão de patrulhamento nas Áreas de Conservação, geridas por privados assim como nas áreas de gestão pública.

Criado em Junho de 2020, sob o lema “Protegendo os Recursos Naturais em Tempos de Crise”, o fundo tem como objectivo assegurar os postos de trabalho dos fiscais e pessoal essencial para apoio à fiscalização, das Áreas de Conservação sob gestão pública e privada, cujo pagamento depende das receitas de turismo, garantindo actividades regulares de patrulhamento.

O BIO-Fundo de Emergência é um dos vários fundos/modalidades de apoio da BIOFUND ao Sistema Nacional das Áreas de Conservação. Clique aqui para saber mais sobre outros tipos de apoio da BIOFUND.

Fases do BIO-Fundo de Emergência

Este apoio será implementado em duas fases ao longo do BIO-Fundo de Emergência:

FASE 1

Julho 2020 – Junho 2021

  • Doações para o sector privado – 100% dos custos dos salários dos fiscais, apoio aos custos operacionais e as comunidades locais.
  • Doações para o sector público – 100% do salário dos fiscais eventuais actualmente cobertos por receitas da ANAC, apoio aos custos operacionais, meios de transporte, meios de prevenção e apoio as comunidades locais.

Duração: 1 ano

FASE 2

Após Junho 2021

Doações para o sector público e privado.

  • Mecanismos de apoio por serem definidos até o fim da Fase 1 e dependente da situação da pandemia da COVID-19 no país.

Duração: Por ser definida

Total de fundos existentes
para o BIO-Fundo de Emergência

BIOFUND - Emergencia-icon-hand

4.3 Milhões de USD

Doadores

Decorrem no momento, negociações
para incorporar doadores adicionais ao Fundo.
BIOFUND-Emergencia-12
BIOFUND - Emergencia-13
BIOFUND - Emergencia-11
usaid-logo-150x150

Beneficiários
do BIO-Fundo de Emergência

Até Novembro 2020

Área de Conservação de Gestão Pública Legenda Área de Conservação de Gestão Privada Áreas Comunitárias Kilometers 0 250 500 N ;
  • Parque Nacional de Quirimbas
  • Parque Nacional de Gilé
  • Parque Nacional de Magoé
  • Parque Nacional do Arquipélago do Bazaruto
  • Parque Nacional de Zinave
  • Parque Nacional de Banhine
  • Parque Nacional do Limpopo
  • Reserva Especial de Niassa
  • Reserva Nacional de Pomene
  • Reserva Marinha Parcial da Ponta D’OURO
  • Reserva Especial de Maputo
  • Coutada Oficial nº 11
  • Sábiè Game Park
  • Muthemba Safaris
  • Safáris de Moçambique
  • L8
  • L9
  • Nicage
  • Luwire-Lugenda Wildlife Reserve
  • Mahimba Game Farm
  • Dombawera/Mashambanzou/Ngalamo Safaris
  • Chipanje Chetu
  • Tchuma Tchato

Impactos Alcançados do BIO-Fundo de Emergência

BIOFUND - Emergencia-18

958

FISCAIS
E PESSOAL
DE APOIO

Que permanecem nos seus postos de trabalho

BIOFUND - Emergencia-17

909

PATRULHAS
POR
MÊS

São asseguradas

BIOFUND - Emergencia-16

30,869

HORAS DE
PATRULHAS
POR MÊS

Durante o período de apoio

BIOFUND - Emergencia-15

12,695,911

HECTARES

De biodiversidade protegida

Notícias

Parceiros

anac

AMOS

Associação Moçambicana
de Operadores de Safari

Submissão de candidaturas

As candidaturas para solicitação de apoio
do BIO-Fundo de Emergência continuam abertas.
Para mais informações faça o seu registo aqui

Doações ao BIO-Fundo de Emergência

Com o seu apoio, este fundo de emergência continuará
a fazer a diferença nas Áreas de Conservação de Moçambique
e a sua doação irá apoiar directamente esta causa.
Para mais informações entre em contacto connosco